Caxias do Sul retoma geração de emprego

 

Criação de novas vagas começa a ganhar consistência, ainda que o número seja baixo comparado a outros períodos

O mercado de trabalho de Caxias do Sul apresentou melhora considerável, em agosto, se comparado aos cinco meses anteriores, dos quais quatro com variações negativas. Foram criadas 411 vagas, saldo entre 4.468 admissões e 4.057 demissões. No ano, porém, a situação permanece grave, com variação negativa de 6.594 oportunidades de trabalho. De janeiro a agosto foram demitidas 40.221 pessoas e, admitidas, 33.637. Em julho, haviam sido criadas seis vagas.

O melhor resultado mensal foi gerado pela indústria, com 341 novos empregos. No ano, são 2.384 vagas fechadas. O comércio teve o segundo melhor desempenho, com 61 empregos, mas segue negativo no ano em 1.477. O setor de serviços tem o pior resultado do ano, com o fechamento de 2.417 vínculos formais, tendo aberto somente 12 em agosto.

A construção civil foi a única com variação negativa mensal, de sete vagas. No acumulado do ano sobe para 340 fechadas. O agronegócio tem números positivos no mês, quatro, e no ano, 24. Os dados constam no Cadastro Geral de Empregados e Desempregados, divulgados nesta quarta (30).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.